MENU

14 de abril de 2017 - 17:04Mundial de Endurance

Toyota domina sexta-feira de treinos no WEC

58f11273071fe

Kazuki Nakajima liderou a dobradinha da Toyota na sexta-feira de treinos livres em Silverstone (Foto: WEC)

RIO DE JANEIRO - A Toyota confirmou o domínio na sexta-feira de treinos livres para a abertura do FIA World Endurance Championship, com as 6h de Silverstone que acontecem neste domingo. Kazuki Nakajima foi o piloto mais rápido do dia, melhorando em quase dois segundos o melhor tempo da primeira sessão. Em três voltas, assim como Sébastien Buemi mais cedo, o japonês resolveu a parada – 1’38″210, 0″234 mais rápido que o compatriota Kamui Kobayashi, marcando o 1-2 do construtor oriental.

A Porsche acabou superada por mais de dois segundos, pois Earl Bamber fez o 3º tempo em 1’40″500 e o carro #1, com Andre Lotterer a bordo na melhor volta do dia, só andou na faixa de 1’41″ baixo. A ByKolles melhorou em relação ao primeiro treino, mas ainda assim o ENSO CLM P1/01 Nismo ainda está fora de ritmo em relação aos protótipos com sistemas híbridos. Pelo menos o carro #4 foi o mais rápido em velocidade de ponta no FP1 (alcançou 285 km/h) e conseguiu completar mais 33 voltas sem grandes problemas mecânicos.

58f1128c0ec55

Estreando pela G-Drive Racing, Alex Lynn foi o mais rápido do dia na classe LMP2 (Foto: WEC)

Ainda assim, o único LMP1 não-oficial ficou devendo em relação aos dois mais rápidos entre os nove LMP2 inscritos: o britânico Alex Lynn fez o melhor tempo do segundo treino e da sexta-feira com o #26 da G-Drive Racing – 1’44″874. Nicolas Lapierre, no Alpine A470 da Signatech, foi o segundo em 1’45″006.

Mathias Beche, mais rápido no primeiro treino de hoje, acabou com a 3ª melhor marca a bordo do #13 da Vaillante Rebellion, seguido por Alex Brundle (Jackie Chan DC Racing) e Matthieu Vaxivière (TDS Racing). Bruno Senna foi o mais rápido com o #31 e ficou em sexto ao fim do dia – 1’47″256. Já Nelsinho Piquet percorreu 11 voltas no segundo treino livre, sendo a melhor delas em 1’49″443.

A Aston Martin fechou a sexta-feira com dobradinha na LMGTE-PRO: Jonathan Adam cravou o melhor tempo da sessão com o #97 – 1’57″957, apenas 0″024 mais veloz que o dinamarquês Nicki Thiim no outro carro do construtor britânico. Os dois Ford GT EcoBoost da Chip Ganassi Racing vieram a seguir: Harry Tincknell foi o 3º, seguido muito de perto por Stefan Mücke. A AF Corse finalmente apareceu e James Calado foi o quinto mais rápido.

À tarde, Daniel Serra deu 12 voltas com o Aston Martin #97, continuando seu processo de adaptação ao traçado de Silverstone. Fez a melhor volta em 2’00″252. Neste treino, Pipo Derani também andou no mesmo ritmo do compatriota a bordo do Ford da Ganassi. Deu 13 voltas, a melhor delas em 2’00″220.

58f0db69c2c73

O melhor tempo da LMGTE-AM ficou sendo mesmo o de Pedro Lamy, no treino da manhã (Foto: WEC)

Ben Barker fez o melhor tempo do segundo treino na LMGTE-AM, mas não superou a melhor volta do dia na categoria, alcançada de manhã pelo português Pedro Lamy. Menos mal para o Porsche da Gulf Racing é que o carro #86 virou sua volta abaixo da casa de 2 minutos em Silverstone. Os italianos Matteo Cairoli (Spirit of Race) e Francesco Castellacci (Dempsey Racing-Proton) completaram os três mais velozes da sessão.

Amanhã, os carros do WEC voltam à pista de Silverstone para o terceiro e último treino livre, com 1h de duração e início previsto para 9h40 locais (5h40 pelo horário de Brasília). A partir de 13h na Inglaterra (9h daqui), será realizado o treino classificatório com 20 minutos de pista para as classes LMGTE-AM e LMGTE-PRO e depois para as divisões LMP1 e LMP2. O regulamento segue o mesmo, com dois pilotos entrando na pista e a média da melhor volta de cada um definindo o grid.

1 comentário

  1. Fernando Silva disse:

    Será que veremos este ano a Toyota dominar a LMP1 assim como em 2014? Ou a Porsche está “escondendo o leite”. Veremos no domingo.
    Estou analisando se compensa adquirir o pacote para o streaming das provas do WEC…por mais que a categoria tenha perdido com a saída da Audi, a LMP1 será muito interessante com o duelo Porsche x Toyota…Além dos brasileiros na LMGTE Pro. Boto muita fé tanto no Serrinha quanto no Pipo Derani e não será estranho se eles forem “efetivados” nas equipes que defenderão até Le Mans.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>