MENU

16 de março de 2017 - 17:56IMSA Weather Tech SportsCar Championship

IMSA: 1-2-3 dos Cadillac DPi no segundo treino livre

17_0309

Jordan Taylor liderou a “trifeta” dos Cadillac DPi no segundo treino livre para as 12h de Sebring

RIO DE JANEIRO - Para desespero da concorrência, os três Cadillac DPi-V.R, mesmo com o BoP da IMSA, foram os mais rápidos no segundo treino livre para as 12h de Sebring. Contudo, os tempos ainda foram piores que na sessão matinal em que o Oreca #85 da JDC-Miller foi o mais rápido.

Jordan Taylor foi o mais veloz da sessão com o #10 da Konica Minolta Wayne Taylor Racing, sendo o único a virar abaixo de 1’50″ – mais precisamente, 1’49″888, 0″215 abaixo do português João Barbosa. Mike Conway ficou em terceiro com o #31 da Whelen Engineering/AX Racing, seguido pelo Oreca 07 Gibson LMP2 da Rebellion Racing, em que Neel Jani foi o quarto e último piloto dentro do mesmo segundo do carro mais rápido da sessão.

Após problemas de motor no primeiro treino, o #22 da Tequila Patrón ESM teve boa performance na segunda sessão: Bruno Senna e Brendon Hartley se revezaram a bordo e o neozelandês, após 23 voltas, marcou 1’51″610 – sexto melhor tempo. Já o #2 que terá outro brasileiro, Pipo Derani, nem andou à tarde.

Colin Thompson, que está no “double duty” com a Mazda Prototype Challenge, foi o mais rápido entre os carros da divisão PC: com o #26 da BAR1 Motorsports, ele virou em 1’54″741, apenas 0″134 mais veloz que o mexicano Patricio “Pato” O’Ward. Entre os GTLM, a Corvette começou a pôr as manguinhas de fora, pois o #4 guiado por Tommy Milner foi o mais rápido do segundo treino – 1’57″206, contra 1’57″372 do francês Sébastien Bourdais, no Ford GT EcoBoost #66.

Antonio Garcia foi o terceiro mais rápido no segundo C7-R da marca da gravatinha, seguido pelo Porsche de Patrick Pilet e a Ferrari com Giancarlo Fisichella. Pouco mais de três décimos foi a diferença entre os cinco primeiros e menos de meio segundo separaram os sete mais rápidos!

Na classe GTD, Andrew Davis liderou a folha de tempos com o Audi #57 da Stevenson Motorsports ao marcar 2’01″449, 0″227 mais veloz que Austin Cindric a bordo do Lexus RC-F #15 da 3GT Racing. Christopher Mies foi o 3º mais rápido, seguido por dois Porsche 911 GT3-R guiados por Patrick Lindsey e Spencer Pumpelly.

Após os problemas de embreagem que tiraram o Acura NSX-GT3 do primeiro treino, o #86 do brasileiro Oswaldo Negri completou um total de 20 voltas e a melhor delas foi a última, com Tom Dyer marcando 2’03″553.

Apenas o Lamborghini Huracán #11 da GRT Grässer Racing Team não marcou tempo na divisão desta vez. O carro saiu para o treino, mas acabou parado na pista, provocando um curto período de bandeira vermelha. O bólido foi reconduzido aos boxes e não regressaria mais à pista.

Nesta quinta, os pilotos têm mais uma sessão de treinos livres, só que com 1h30 de duração. O treino noturno começa às 20h30 pelo horário de Brasília.

O Fox Sports 2 transmite AO VIVO a reta final das 12h de Sebring neste sábado após a corrida da Xfinity Series em Phoenix. O blogueiro aqui estará nos comentários. A narração é de Hamilton Rodrigues. Assistam, prestigiem e participem!

3 comentários

  1. Erivaldo disse:

    Maravilha Mattar. Ótima dupla, você e Hamilton, estou bastante ansioso por essa corrida.

  2. Gustavo disse:

    A IMSA é muito IMSAna ,uma categoria sensacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>