MENU

10 de abril de 2015 - 16:57European Le Mans Series

Jota Sport e Greaves dominam treinos livres do ELMS

ND5_1638

Com o Gibson #38 do Team Jota Sport, Harry Tincknell foi o mais rápido do primeiro treino livre

RIO DE JANEIRO - Os dois protótipos Gibson 015S (o antigo Zytek) com motor Nissan dominaram nesta sexta-feira os treinos livres para a etapa de abertura do European Le Mans Series no circuito britânico de Silverstone. Jota Sport e Greaves Motorsport ficaram no topo das folhas de tempo das duas sessões – cada equipe liderou um treino.

Na primeira prática, o #38 de Harry Tincknell/Simon Dolan/Filipe Albuquerque foi o mais rápido com a marca de 1’49″826 – excepcional tempo cravado pelo velocíssimo Tincknell, em condições desfavoráveis, com temperatura baixa no ambiente e no asfalto, uma vez que a diferença para o #41 da Greaves foi de um segundo inteiro. Jon Lancaster fez a melhor volta com o carro da equipe dos irmãos Tim e Jacob Greaves.

O russo Kyrill Ladygin surpreendeu e foi o 3º mais rápido com o Oreca 03R #34 inscrito com o nome da AF Corse, mas sabidamente do time russo SMP Racing, seguido por Nicolas Minassian, Michael Lyons e Léo Roussel. Oswaldo Negri não andou no carro da Krohn Racing na primeira sessão, em que a equipe estaduidense ficou na 10ª colocação – tempo de 1’54″599, alcançado por Nic Jönsson.

ND1_0520

Rob Garofall pôs o Ginetta LMP3 da equipe University of Bolton à frente na primeira sessão

Na classe LMP3, o melhor tempo do primeiro treino foi de Rob Garofall, no Ginetta Juno Nissan #7 da University of Bolton – 2’04″852, três décimos melhor que o escocês Charlie Robertson, do Team LNT. Michael Simpson, no segundo carro da equipe de Lawrence Tomlinson foi o terceiro. Entre os demais inscritos, a Lanan Racing usou a primeira sessão apenas para o shakedown do seu protótipo e a SVK by Speed Factory nem foi à pista.

Michele Rugolo ficou com o melhor tempo na LMGTE, a bordo da Ferrari F458 #81 da AF Corse. O piloto italiano marcou 2’02″428, quarenta milésimos abaixo da marca do compatriota Raffaele Gianmaria. Andy Priaulx aproveitou o conhecimento da pista para levar a BMW da Marc VDS ao terceiro lugar na sua categoria, seguido por Adam Carroll. Klaus Bachler e Mikkel Mac Jensen fecharam os seis mais velozes.

Na GTC, o francês Franck Perera começou os treinos com o tempo de referência de 2’03″082 na BMW Z4 da equipe TDS Racing. O tempo dele foi sete décimos melhor que o italiano Marco Cioci. Nas posições seguintes, vieram Francesco Castellacci, o português Francisco Guedes, o dinamarquês Casper Elgaard e o britânico Dan Brown.

GT5D2929

Jon Lancaster fez o melhor tempo da sexta-feira com o #41 da Greaves

Já no segundo treino, Lancaster deu o troco e fez o melhor tempo da sexta-feira – 1’49″419, enquanto o português Filipe Albuquerque foi o segundo mais rápido, em 1’50″017. Nathanaël Berthon foi o terceiro mais veloz, seguido por Maurizio Mediani, Léo Roussel e Tristan Gommendy. Nic Jönsson fez de novo o melhor tempo do #40 da Krohn Racing, em 1’52″500. Oswaldo Negri deu 14 voltas na segunda sessão, a mais rápida delas em 1’53″159.

O Team LNT fez 1-2 na LMP3: Charlie Robertson cravou 2’01″248 e superou o companheiro de equipe Michael Simpson por menos de um décimo de segundo. Rob Garofall ficou bem mais distante nesta sessão e foi o terceiro da nova categoria, seguido por Charlie Hollings e o letão Konstantin Calko fechou a raia com o fraco tempo de 2’07″804, penúltimo geral da segunda sessão.

Aliaksandr Talkanitsa surpreendeu e fez o melhor tempo da segunda sessão na LMGTE, com a Ferrari F458 #56. O bielorusso marcou 2’01″248, menos de um décimo de segundo abaixo do austríaco Klaus Bachler, no Porsche #88 da Proton Competition. Andy Priaulx (BMW da Marc VDS Racing) liderou uma fileira de pilotos súditos da Rainha nas posições seguintes com o 3º tempo – seguido por Adam Carroll (Porsche da Gulf Racing UK) e Matt Griffin (Ferrari da AF Corse)

GT5D2767

Marco Cioci foi o melhor por milésimos de segundo na classe GTC

E na GTC, Marco Cioci foi o mais rápido da segunda sessão, batendo o compatriota – e companheiro de equipe – Francesco Castellacci por apenas seis milésimos de segundo. Dino Lunardi foi o terceiro mais veloz da sessão, seguido de Casper Elgaard, Daniel Brown e Francisco Guedes, fechando a raia da categoria.

Amanhã, os carros do ELMS voltam à pista para o treino classificatório e também para a corrida. A formação do grid será definida em dois treinos de 20′ cada. Às 7h05 pelo horário de Brasília, entram na pista os inscritos das classes LMGTE e GTC. A partir de 7h30, acontece a classificação dos protótipos LMP2 e LMP3. A corrida, com quatro horas de duração, larga às 14h30 locais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>